드라마 - Dramas · K-Boys

Visita Guiada a… Kim Hyun Joong!

 

Olá, novamente.

Depois do Lee Minho, aqui fica mais uma ‘viagem’. Confesso que fiquei algo reticente com este rapaz, e por isso tentei explorar mais a parte da representação (que é aquela que aqui é pedida). Por isso, peço às fãs um pouco de compreensão. Se eu for a explorar a sua carreira como cantor acho que nem daqui sairia (haha).

Só peço desculpa às fãs por vir provavelmente a enganar-me no seu nome. Tendo sempre a pôr o ‘g’ no lado errado :p

Espero que gostem. Boa leitura.

 

Biografia (Visão Geral)

Kim Hyun Joong nasceu a 6 de Junho de 1986 em Seoul, Coreia do Sul, numa família de quatro (Hyun Joong possui um irmão mais velho). Ele é cantor, actor e entertainer.

Hyun Joong costumava tocar guitarra eléctrica numa banda enquanto andava na escola. No entanto, desistiu da escola pouco depois quando decidiu tornar-se cantor. Após a estreia dos SS051, contudo, ele voltou para a escola, tendo-a concluído em 2006.

Os seus estudos não ficaram por aí. Em 2011, Hyun Joong matriculou-se na Universidade Chungwoon, onde estudou produção de palco. Em 2012 matriculou-se em Artes de Comunicação de Kongju para estudar música aplicada.

Entretanto Hyun Joong deixou a DPS Media para se integrar na agência Key East. Ao mesmo tempo, estreou-se a solo com o mini-álbum coreano ‘Break Down’ e ‘Lucky’.

Parece que para além de cantar e representar, Hyun Joong também gosta de futebol. Ele faz inclusivamente parte de uma equipa de futebol com fins solidários constituída por famosos, o FC Men, cujo capitão é Xiah Junsu, membro dos JYJ e ex-membro dos DBSK.

Hyun Joong tornou-se especialmente conhecido por ter actuado como Yoon Ji-hoo em ‘Boys Over Flowers’ (era um dos amigos do Go Jun Pyo, protagonizado pelo actor Lee Minho, de quem já falámos no artigo anterior), isto no ano de 2009. Graças a esse drama, Hyun Joong recebeu um prémio de popularidade nos ‘Seoul Internacional Drama Awards 2009’ e também na 45ª edição dos ‘ParkSang Arts Awards’.

Mais tarde, Hyun Joong protagonizou ‘Baek Seung-jo’ no novo drama ‘Playful Kiss’, e com o carácter frio e arrogante da personagem conseguiu ganhar novamente um prémio de popularidade, desta vez nos ‘MBC Drama Awards’.

Actualmente, Kim Hyun Joong participa em ‘Inspiring Generation’, que estreou no dia 15 de Janeiro com um rating de 7.8%.

Ver uma entrevista com ele aqui .

 

 

Dramas

 

Boys Over Flowers (2009)

Esta apresenta-se como a versão coreana do anime ‘Hana Yori Dango’ (o qual também tem uma adaptação japonesa com o mesmo nome). É a história de Jan-Di (Goo Hye Sun), uma rapariga pobre que frequenta a Escola Secundária Shin Hwa, uma escola liderada por quatro rapazes, os chamados ‘F4’, que aterrorizam os alunos que lhe fazem frente ou que têm o azar de se meter no seu caminho.

Yoon Ji-Hoo, a personagem de Hyun Joong, faz parte dos F4 mas é de todos o que menos alinha no género de brincadeiras. Ele é uma personagem que, embora fria, se pode dizer algo gentil.

null

Como já disse anteriormente, eu gostei do drama, achei-o interessante, e até recomendo.

Quanto à personagem dele em si confesso que não me chamou muito à atenção. Não sei se sou eu que caio sempre mais pelos protagonistas, mas achei a sua personagem algo vazia. Gostei dele por ser algo ‘bonzinho’ em comparação com os outros, mas achei a sua personagem não tão apelativa. Especialmente – e isto contém SPOILER por isso quem viu que não leia! – quando ele tenta ficar com a Jan Di à força sabendo que o amigo está interessado por ela e que ela também já se sente algo atraída por ele.

E vocês, o que acharam?

 

Playful Kiss (2010)

 

Playful Kiss apresenta-se como a versão coreana do manga/anime ‘Itazura na Kiss’. É uma comédia romântica que fala do frio e inteligente Baek Seung-jo que vê a sua vida a andar para trás quando se encontra com Oh Ha-ni (Jung So-min), uma garota extrovertida mas com um nível intelectual inferior. Devido a um acontecido fortuito, Oh Ha-ni teve de mudar-se com o seu pai para a casa de Seung-Jo, e é aí que a história de ambos se desenvolve.

 

 Quem me conhece sabe qual a versão de que eu mais gostei. Esta não foi má de todo, mas só sobressaiu mais a nível ‘estético’, se é que me entendem.

É um bom drama pra se ver nos tempos livres – olhem, a minha avó por exemplo adorou. Deu-lhe 10 pontos e tudo! -, mas não esperem muito mais que isso.

A minha versão favorita sem dúvida que é a taiwanesa (‘It Started With a Kiss’ e ‘They Kiss Again’), então em comparação esta pareceu muito inferior. A relação entre as personagens não me emocionou tanto, e o mesmo digo quanto à representação. A nova versão japonesa também é bastante boa, para quem gostar de ver adaptações.


 

Inspiring Generation (2014)

Baseado na China dos anos 30, este drama refere-se a uma história de amor, amizade, patriotismo e desejo. Shin Jung Tae (Kim Hyun Joong) é um homem um pouco distraído que tem um grande amor ao seu país e sua família, sendo (ou tendo sido) conhecido como o melhor lutador nas ruas de Shanghai.



Eu ainda não estou a ver – embora tencione começar brevemente -, mas tem havido várias críticas boas a este drama. E ao que parece a sua representação está bem melhor.

Alguém daqui está a ver?

 

Espero que tenham gostado desta exposição. Não se esqueçam de me darem a vossa opinião sobre os dramas em questão e o actor 

Poderão sugerir mais actores/actrizes, sendo certo que ainda tenho um (que me foi sugerido também) em lista de espera.

null

 Créditos: tumblr

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s