문화 - Cultura · 역사 - História · 예술 - Arte

판소리 (Pansori), a ópera coreana

Pansori é um tipo de música tradicional coreana que junta a arte musical à arte da representação teatral. Dois músicos partilham o palco, uma cantora (소리꾼, sorikkun) e uma pessoa que toca tambor (북), intitulada gasu.

A cantora, com um leque na mão, interpreta uma história através de canção (sori), narrativa (aniri) e gestos (ballim). O/a gosu acompanha a cantora e anima o ambiente da actuação, entoando palavras de encorajamento, as chamadas chuimsae (추임새), incluindo “eolssu”, “eu-iee”, ou “eolssigu” ou respondendo ao que a cantora diz como se fosse uma personagem da história. O mesmo é esperado do público, que também deve então dar o seu contributoEsta conjugação torna o Pansori único, criando um som, ritmo e técnica vocal inimitáveis.

Esta arte surgiu durante os meados da era de Joseon (1392-1910), apesar de ser complicado indicar uma data precisa. Nessa época, um tipo de arte popular chamada pannoreum, composta por vários tipos de entretenimento como andar sobre cordas, dança e narração de histórias, era interpretada por artistas itinerantes. No entanto, as canções e a narração acabaram por ganhar vida própria, tornando-se no Pansori. Uma arte primariamente apresentada na província mais a sul da Coreia entre o povo, tornou-se algo apreciado por todo o tipo de pessoas, desde o mais pobre dos camponeses, passando pelos nobres e chegando ao rei, que mais tarde se tornaram o público principal.

O tero é composto por duas palavras coreanas “pan” e “sori. Pan refere-se ao local de interpretação ou onde coisas acontecem; a interpretação de artistas especialistas em frente a um público ou o processo de entretenimento e actividades relacionadas. No sentido reduzido, sori significa canção mas o seu significado não pode ser limitado. Existe também a perspectiva de o termo derivar de moksori (목소리), som vocal ou voz. O que se pode inferir é que pansori pode ser interpretado como canções cantadas em locais para divertimento onde muitas pessoas se juntam.

Originalmente uma colecção de 12 óperas, infelizmente só 5 desse número chegaram até nós, cujas histórias são chamadas madang ( 마당). Chunhyangga (춘향가), Simcheongga (심청가), Heunbuga (흥보가)>, Jeokbyeokga (적벽가)> e Sugungga (수궁가) são os nomes e os tópicos tratados vão desde sátira a histórias de amor, sendo interpretações muito longa, levando 4 a 5 horas para completar. A Chunhyangga, por exemplo, se interpretada na sua totalidade, dura mais de oito horas. Aqui ficam os 5 tipos de “madang”:

  • Chunhyangga: trata do romance antigo “Chunhyangjeon”, que relata a história de amor de Sung Chungyang, a filha de uma cortesã, e de Lee Mongyong, o filho de um aristocrata. É valorizado em termos musicais e literários. Partes famosas incluem a “Sarangga” (canção de amor), “Ibyeolga” (canção do adeus) e “Okjungga” (canção da cela).
  • Simcheonga: Simcheong, a filha de um homem cego que procurou recuperar a visão do seu pai oferecendo arroz num templo, vendeu-se a um barqueiro como sacrifício ao oceano em troca de arroz. O Rei Dragão do Mar, no entanto, comovido com o seu amor, salvou-a, reunindo-a com o amado pai. O tema central é o amor de um filho pelo seu pai.
  •  Heunbuga: Dois irmãos, Nolbu e Heungbu, um mais velho e rico mas mau; o mais novo pobre mas de boa índole. Quando Heungbu fica rico por ajudar uma andorinha com uma perna partida, o seu irmão, invejoso, parte a perna de uma andorinha de propósito, esperando ser recompensado da mesma forma. Moral da história: a bondade compensa e a maldade é castigada.
  • Jeokbyokga: parte do conto chinês “Samgukjiyeon”.
  • Sugungga: a história de Tokkijeon. Quando o Rei Dragão do mundo subaquático adoece, envia um tartaruga a terra para encontrar o fígado de uma lebre para ser utilizado como medicamento. A ópera apresenta muita galhofa e brincadeira entre as personagens.

Em 2003, a Pansori foi oficialmente reconhecida pela UNESCO como parte importante da cultura mundial, tendo sido denominada Património Oral e Imaterial da Humanidade.

Aqui ficam alguns vídeos de interpretações de Pansori.

Fontes:
Gugak
Visit Korea
Wikipedia Pansori

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s